Últimas

Terapia holística: o que é e como usar a seu favor?

Por Renata Prado 26/08/2021 ÀS 20H00
Entenda como a técnica pode ser uma excelente ferramenta para o seu desenvolvimento Entenda como a técnica pode ser uma excelente ferramenta para o seu desenvolvimento - Crédito: Foto de Shutterstock.

A terapia holística analisa o indivíduo na sua integralidade, entende a pessoa como única e que funciona como um sistema que se comunica entre si - mente, corpo e espírito - , e não de forma fragmentada, como é feito normalmente. Com essa ferramenta é possível tratar diversos temas, como medos, fobias, dores, desequilíbrio energético, transtornos, etc.

Na terapia holística o paciente será analisado dentro dos aspectos energético, mental, físico e espiritual. Somos convidados ao despertar de consciência e entendimento de quem somos e quais são nossas questões. Assim, uma vez que nos tornamos conscientes, podemos direcionar melhor a nossa jornada.

Portanto, os benefícios da terapia holística são muitos. Por isso, aplicá-la na sua vida te ajudará a encontrar equilíbrio e direcionamento em como lidar com diversas questões e áreas que necessitam de atenção. Ela te ajudará no caminho para uma melhor qualidade de vida e satisfação, pois aprender a ler a si mesmo é um ato de auto amor.

A terapia holística também promove o equilíbrio energético, espiritual e mental. É como se o véu se levantasse, trazendo uma nova consciência de como lidar com os desafios de forma resiliente, nos direcionando para uma vida mais doce.

Quais são os métodos?

A terapia holística, trata cada indivíduo de forma íntegra, como um todo, contribuindo muito para nossa melhora física, mental, espiritual e na evolução do ser.

No Brasil, temos diversos exemplos de métodos que trabalham de forma holística, como:

  • Reiki
  • Florais de Bach
  • Massoterapia
  • Reflexologia
  • Acupuntura
  • Ayurveda
  • Cromoterapia
  • Radiestesia, entre outras.

Esses tipos de terapias, podem aliviar dores, stress, TPM, angústias, harmonizar nosso energético, emocional, e ainda ajudam no processo de autoconhecimento e na busca por si, entre outros benefícios.

Vejamos, por exemplo, a radiestesia que pode ser aplicada agregada a outros métodos. Essa técnica faz uma investigação para identificar onde há o desequilíbrio e sua causa e, a partir daí, aplica-se o melhor tratamento.

Escolha uma abordagem dentro daquilo que faça sentido para você. Tenha cuidado na escolha do profissional, analise seu histórico antes de contratar. E lembre-se de que o terapeuta não é médico, então, nunca pare um tratamento sem que seu médico autorize.

É muito importante que você compreenda a escolha do seu tratamento, mas procure conhecer seu corpo e como suas emoções agem. 

Seja a mudança que você quer ver.

Texto: Renata Prado, psicanalista e taróloga

Instagram: @renataprado.oficial

LEIA TAMBÉM

04240