Fale conosco

O que você está procurando?

Astrologia

Tríade astrológica: três pontos importantes para você ficar de olho

Mulher feliz dando Ok com as mãos
Estes três signos possuem grande peso nos traços da nossa personalidade e comportamento e você pode acompanhar a evolução deles todos os dias - Shutterstock

Entender a tríade astrológica é simples e começa quando descobrimos qual é o nosso signo. Basta sabermos a data em que nascemos, certo? Mas, você sabe por quê? A explicação é rápida: no dia em que você nasceu, o Sol estava projetado em alguma constelação no universo.

COMO SERÁ O SEU DIA HOJE? DESCUBRA TUDO NO HORÓSCOPO DIÁRIO! LÁ TEM TODAS AS TENDÊNCIAS ASTRAIS PARA O SEU SIGNO!

Porém, além do signo solar, que é o mais conhecido, nós temos dois outros pontos de extrema importância e que também marcam bastante presença no primeiro contato com a Astrologia. Um deles é dado pela hora do nascimento. Então, no momento em que você nasceu, um signo estava subindo no horizonte – o seu Ascendente.

Por fim, o terceiro signo que completa a Tríade Astrológica é aquele em que a Lua se encontrava no dia do seu nascimento. Quem nasce na Lua Nova, geralmente tem o signo lunar igual ao solar. Já os nascidos em Lua Cheia, normalmente têm como signo lunar o oposto ao Sol.

Os três pontos fundamentais

Essa Tríade astrológica forma nossos três princípios fundamentais: criador, perpetuador e transformador. Todos nós temos esses princípios influenciando fortemente nossa vida e entender bem como funcionam essas três características no Mapa Astral é o primeiro passo para utilizar a Astrologia a favor do autoconhecimento. Saiba os seus três signos da Tríade Astrológica e conheça a si mesmo profundamente.

Sol: princípio criador

O Sol é o centro do nosso Sistema Solar. É a estrela que brilha, nos aquece e nos dá vida. Ao redor dele, planetas permanecem girando e gerando energia para todos nós. 

Porém, não existe somente esse Sol físico. Há um Sol por trás do corpo físico materializado dessa energia. Um pouco dessa energia espiritual é o que nos dá a nossa centelha divina e é o que nos torna seres únicos.

Este signo representa como nos mostramos ao mundo e qual é a energia que temos facilidade para emanar aos outros. Alguém com Sol em Libra, por exemplo, se mostra uma pessoa justa e pode inspirar justiça naqueles à sua volta, assim como quem possui Sol em Câncer, pode oferecer proteção e acolhimento sentimental aos que o cercam.

Lua: princípio perpetuador

Nós sabemos que a Lua não é um planeta. Porém, dentro da Astrologia, ela é dita como tal, assim como o Sol – e é um dos planetas mais importantes a serem estudados, pois é quem revela a psique de cada ser.

A Lua diz muito a respeito do subconsciente e das emoções, e sabemos que nós, seres humanos, somos praticamente regidos por ela. Por isso, é muito importante que cada um cuide dos próprios sentimentos, pois esse satélite é crucial para que possamos entender como funcionam as emoções de cada pessoa. Ele não tem luz própria. A luz que recebe vem do Sol, da nossa essência. Portanto, esses dois planetas astrológicos estão muito relacionados.

O planeta lunar leva 28 dias para dar uma volta na Terra e mais ou menos 2,5 dias para passar por cada signo. Representa a nossa infância, nosso lar materno, o que nutre, cuida, trata e ama; é o lado sensível e feminino, que todo homem e toda mulher possui. Também representa como lidamos com as pessoas emocionalmente e nos mostra todas as nossas necessidades emocionais. Quando analisamos profundamente a nossa Lua, conseguimos conhecer a fundo nossa personalidade – ponto essencial da tríade astrológica. Ela representa como somos em nosso íntimo, como nos sentimos de verdade, sendo ligada às emoções, à intuição e à sensibilidade.

Ascendente: princípio transformador

E para entender de vez a tríade astrológica, basta sabe um pouco mais sobre nosso signo Ascendente, que traz características do que ainda não temos domínio, porém, devemos aprender no decorrer da vida. Algumas pessoas dizem, inclusive, que o Ascendente fica mais forte, até mesmo do que o signo Solar, depois dos 30 anos. O que acontece é que, para sermos nós mesmos, é necessário adquirirmos uma certa maturidade.

Portanto, nos apropriamos mais do Ascendente conforme ficamos mais maduros e deixamos de nos importar com o que as pessoas acham que devemos, ou não, ser. Alguém com ascendente em Capricórnio, por exemplo, veio nessa vida com a missão de aprender a lidar com a responsabilidade e, provavelmente, lidará melhor com isso ao longo dela…

Leia também:

Astral abençoado: banhos mágicos para atrair somente o melhor

Quais signos são “ficantes premium” e quais “expiram em 15 dias”?