Últimas

A importância da Sororidade Feminina

Por Renata Prado 24/03/2021 ÀS 16H00
Saiba qual o conceito por trás do termo sororidade Saiba qual o conceito por trás do termo sororidade - Shutterstock

Estamos no mês da mulher, vamos falar sobre temas importantes, dentre deles a SORORIDADE, que é um conceito antigo em que carrega um contexto em si ancestral, sua etimologia vem do latim SOROR = IRMÃ, ou seja, significa empatia, irmandade e parceria entre as mulheres.

Que tem como base principal por um fim de uma vez por todas na idéia de rivalidade entre as mulheres, respeitando suas condições, se pôr no lugar da outra, independente de ser amiguinhas, mas não se comparar ou querer sobressair em prol de outra causando dor e mal estar, é tratar a outra com igualdade e respeito, sem julgar ou apontar.

Não é um comportamento fácil de ser mudado, e não vamos mudar o mundo, mas precisamos dar o primeiro passo, precisamos nos perceber diante das nossas ações e como nos comportamos diariamente, é algo que fazemos a todos os instantes, perceber-nos no dia a dia, quando julgamos a forma de como uma mulher se veste, como anda, se comporta, fala, dança ou se bebe e como bebe.

Esses hábitos são os comportamentos que aprendemos na nossa cultura e sociedade, aquilo que está introjetado em nós há muito mais tempo e até há gerações .

É importante termos consciência disso, se faz necessário que adotemos uma desconstrução daquilo que achamos e aprendemos como adequado.

É preciso começar a se questionar antes de julgar, procurar compreender e se pôr no lugar da outra, independente de como ela se veste, como ela se porta, como ela educa os filhos, e nos ambientes profissionais não nos deixamos levar pelo sentimento de concorrência  nem nos posicionar como rivais.

E o que muitas de nós fazemos diariamente e até mesmo no amor, um exemplo disso é quando seu amor dá bola para outra, tenha em mente que quem não vale nada é o calça caída que nem merece seu amor, então, que você saia fora dele.

Quando tomamos consciência e nos unimos, podemos nos apoiar umas nas outras, e com isso criamos alianças e geramos resistências, juntas somos mais fortes, sozinhas chegamos, mas juntos vamos muito mais rápido e longe.

Às vezes nós aprendemos aquilo que nos foi educado e em algumas situações assumimos um falso papel masculino, quando na verdade o que queremos a maioria de nós é sermos livres, sermos o que as nossas ancestrais queriam para si.

Portanto, se permita mudar e ser sua melhor versão diariamente, ser permita entender e mudar aquilo que precisa ser mudado, faça um pouco por dia, mas faça por você e seja sua melhor versão.

 

Texto: Renata Prado | Terapeuta e Taróloga

Instagram: @renataprado.terapeuta

 

LEIA TAMBÉM:

03571