Geral

Descubra os poderes do boldo e saiba como utilizá-lo

Por Larissa Silva 20/05/2020 ÀS 16H50
O boldo tem o poder de limpar os excessos da vida O boldo tem o poder de limpar os excessos da vida - Crédito: Jonas Kakaroto/Pexels

Muito utilizado como remédio caseiro para o fígado e estômago, o boldo é uma planta famosa pelas suas propriedades medicinais. Porém, é necessário saber como usá-lo para conseguir usufruir de todas suas qualidades, que podem te ajudar a resolver problemas do corpo físico e espiritual. Portanto, veja quais são os benefícios do boldo e como preparar banhos especiais com ele.

Atenção: Mulheres grávidas ou com suspeita de gravidez não podem ingerir o chá de boldo, porque ele ajuda nas contrações uterinas e pode provocar aborto espontâneo. Pessoas com as vias biliares inflamadas, com hepatite aguda ou pancreatite também precisam evitá-lo.

Benefícios do chá de boldo

A princípio, o único boldo verdadeiro é o boldo-do-chile, cujo nome científico é Peumus boldus Molina. Porém, essa espécie é mais difícil de encontrar no Brasil - como o próprio nome diz, ela é originária do Chile.

O boldo que utilizamos por aqui nos chás para o fígado é popularmente conhecido como boldo-baiano, assa-peixe ou alumã e tem como nome científico Vernonia Condensata. 

Mas, existe outra espécie de boldo muito famosa, o Plectranthus barbatus, também conhecido como tapete de Oxalá ou boldo-brasileiro e este, por sua vez, é tóxico e não deve ser ingerido! Então, muito cuidado ao adquirir a planta.

O boldo-baiano não é útil apenas para o fígado; ele também tem propriedades medicinais que podem tratar a má digestão, dor de cabeça, litíase biliar, obstipação, cistite, flatulência, calafrios e consegue até deixar o sangue mais limpo.

Todos esses benefícios são graças ao seu poder diurético e estimulador da vesícula biliar. Além disso, tem efeito anestésico, sedativo, antibacteriano, anti-inflamatório, antioxidante e é um grande aliado contra a ressaca.

Pela sua ação sedativa, pode ser utilizado para acalmar a mente depois de um dia agitado e afastar a sensação da ansiedade.

Algumas pessoas acreditam que o chá de boldo emagrece, mas, na realidade, não é bem assim. O que acontece é que essa substância auxilia a desinchar a barriga, por meio da eliminação de gases e líquidos. Porém, ele não pode ser consumido em excesso, porque pode causar intoxicação.

Chá de boldo ajuda no tratamento do coronavírus?

Mesmo com várias qualidades medicinais, o chá de boldo não ajuda no combate da Covid-19. Até o momento não há qualquer estudo que comprove a ação dessa planta contra o coronavírus ou que seja um remédio antiviral eficaz.

Como preprar o chá

Utilize as folhas secas da planta para preparar o chá. Coloque uma colher (chá) de folhas de boldo em 150 ml de água fervente. Espere por dez minutos, para que as substâncias da planta sejam soltas na água e, então, beba o chá morno. Prefira consumi-lo antes ou após as principais refeições.

Propriedades místicas do boldo

No campo espiritual, o boldo é perfeito para equilibrar a vida, removendo os excessos que a deixam pesada. E sabe qual peso mais sobrecarrega o ser humano? O ego. A energia do boldo, então, trabalha para trazer mais humildade para o ser, fortalecendo a empatia pelos outros. 

Por ser uma boa opção de calmante, a pessoa se sente mais firme e saudável, no corpo físico e espiritual, para viver as situações do dia a dia. Isso possibilita uma maior leveza e até libertação; livre-se dos sentimentos que bloqueiam seu progresso e que prendem sua espiritualidade.

Para uma limpeza espiritual, você pode utilizar o boldo em diferentes tipos de banhos que aliviam a alma e descarregam as más energias.

Banho de Tapete de Oxalá

Em uma sexta-feira, ferva dois litros de água mineral e deixe mornar. Coloque na água um punhado de boldo macerado, misture e coe. Depois de tomar seu banho normal, despeje a mistura do pescoço para baixo, no formato de cruz. Enquanto faz isso, peça auxílio a Jesus foco em pensamentos positivos. Acredite, tudo dará certo.

Banho de limpeza espiritual

Quando sentir que seu corpo está pesado e denso, ferva dois litros de água mineral, espere mornar e coloque um punhado de cada planta macerada: aroeira, arruda, boldo, alecrim e guiné. Após seu banho tradicional, despeje a mistura do pescoço para baixo. Descarte os ingredientes em um vaso de planta ou no jardim. Faça esse ritual sempre que estiver com as energias presas.

LEIA TAMBÉM:

02074