Notícias

Gato da Sorte: saiba tudo sobre a escultura popular japonesa

Por Julia Abud 06/05/2020 ÀS 09H21
O Gato da Sorte é um amuleto muito famoso no Japão O Gato da Sorte é um amuleto muito famoso no Japão - Tania Van den Berghen/Pixabay

Você provavelmente já se deparou com a escultura japonesa de um gato com uma das patas levantadas, certo? Essa imagem é chamada de Maneki Neko ou Gato da Sorte e, como o próprio nome diz, ela é ideal para atrair sorte e prosperidade para o local onde for colocada.

Significado do Gato da Sorte

O gato utilizado como inspiração para a criação desse amuleto foi o Bobtail Japonês, uma antiga raça de felinos originária do Japão. A tradução do nome Maneki Neko significa "gato acenando" - e essa é uma de suas principais características; a pata levantada.

Acredita-se que o Gato da Sorte com a pata direita levantada atrai saúde e dinheiro, enquanto a pata esquerda chama pessoas para os comércios. Já as versões com as duas patas levantadas são capazes de atrair tanto sorte e fortuna quanto clientes.

Em geral, esse amuleto utiliza uma coleira vermelha com um pequeno guizo pendurado - como é comum nas coleiras dos gatos, apesar de não ser muito indicada para os pets. Esse símbolo refere-se aos costumes do Período Edo, no Japão; época em que os animais de estimação mais caros eram os gatos e, por isso, as damas da corte os adereçavam com coleiras de hi-chiri-men (tecido de luxo) e um pequeno sino, para não perdê-los de vista.

Outro elemento encontrado no Gato da Sorte é o koban - uma moeda de ouro de formato oval, do mesmo período histórico. No entanto, na Era Keichō, a moeda original valia 1 ryō de ouro, e a representada nesse amuleto é de 10 milhões de ryō, o que reforça a simbologia desse gato acerca da riqueza e prosperidade.

Ainda que tenha surgido na segunda metade do Período Edo (1603 -1867), a escultura só ganhou maior popularidade pouco antes do Período Meiji (1868 -1912) - o primeiro do Japão moderno, que conhecemos hoje.

O gesto típico do Gato da Sorte - a pata levantada - pode até parecer uma espécie de convite ou um pedido de aproximação. Mas, na verdade, essa posição é apenas uma referência aos movimentos tradicionais de um gato limpando o rosto ou durante uma brincadeira.

O gato é um animal que tem um grande poder sensitivo e, muitas vezes, seus gestos são compreendidos como sinais para diferentes situações. Essa crença de que os gatos conseguem "prever" alguns acontecimentos pode ter dado origem ao Gato da Sorte, porém, não se sabe ao certo como a escultura surgiu.

Lendas sobre a sua origem

Há duas histórias sobre a origem do Maneki Neko. A primeira conta a história de um nobre guerreiro, Ii Naotaka que, ao retornar da Batalha de Tennoji pela tomada do Castelo de Osaka se deparou com uma forte tempestade. 

Para fugir da chuva, Naotaka ficou aos pés de uma árvore próxima ao Templo Goutokuji. Nesse momento, notou que Tama - gatinha que vivia no Templo junto ao monge budista - acenava para ele.

Ao se aproximar do animal, curioso com a atitude peculiar, um raio fulminante atingiu a árvore sob a qual ele estava.

Como forma de gratidão, Naotaka doou para o templo todo o dinheiro que carregava consigo e, vendo que o local se encontrava em condições muito precárias, comentou com o monge que a sabedoria do Grande Buda o guiaria para reformá-lo.

Depois do episódio, Ii Naotaka, sua família e seu clã passaram a visitar o Templo Goutokuji frequentemente, o que fez dele um santuário próspero.

Então, para homenagear a gata Tama, que salvou a vida de Naotaka e, assim, ajudou a reerguer o templo, sua imagem foi esculpida na posição em que estava quando atraiu o nobre guerreiro.

Já a segunda lenda diz respeito a uma senhora idosa que estava passando por grande dificuldade financeira. Com a falta de dinheiro e comida, a anciã decidiu que doaria seu gato de estimação que tanto amava, por não ter mais como alimentá-lo.

Com muita dor no coração por pensar em se separar de seu amado gato, e com o estômago contorcido de fome, a senhora se deitou para dormir e pediu aos deuses que a ajudassem - logo em seguida, adormeceu.

Em seu sonho, viu seu gato pedir para que ela moldasse a imagem dele no barro, pois isso chamaria a sorte. No dia seguinte, a senhora viu seu gatinho lavando o rosto com a patinha e decidiu fazer a escultura nessa mesma posição.

Logo, a anciã conseguiu vender sua primeira escultura e, com o dinheiro que ganhou, conseguiu comprar alimento para si e para o gatinho. Com isso, a senhora resolveu fazer outra escultura para homenagear seu gato e guardar como um amuleto, como o gato havia sugerido em seu sonho.

Porém, em pouco tempo, outras pessoas passaram a procurá-la para comprar a imagem. Assim, a senhora prosperou, continuou com seu grande amigo e nunca mais passou por dificuldades.

Cores do Gato da Sorte

Existem modelos de diferentes tonalidades e cada um tem seu próprio significado. Mas, todos eles têm uma semelhança: o poder de atrair sorte para seus donos.

Branco: purificação do ambiente e suas energias;

Preto: proteção;

Dourado: dinheiro e prosperidade;

Rosa: amor;

Vermelho: saúde;

Verde: sorte nos estudos e no trabalho;

Tricolor: muita sorte.

Como usar na decoração

Esse amuleto da sorte tem uma aparência fofa e agradável e qualquer cômodo da casa pode ser decorado com ele. Porém, o lugar mais ideal para colocar um Gato da Sorte é próximo à porta de entrada da casa ou estabelecimento, para chamar mais proteção e sorte.

Para decorar sua casa ou comércio, existem diferentes versões desse objeto. É possível encontrar modelos feitos em cerâmica, porcelana e até alguns mais modernos, nos quais a pata do gato se movimenta para frente e para trás por meio de pilhas ou energia solar.

Outras boas alternativas são porta-chaves, cofres e aromatizadores com o formato do Maneki Neko.

LEIA TAMBÉM:

02016