Notícias

Conheça o Seu Zé Pelintra e aprenda a fazer Ebó para esta entidade

Por Karina Gomes 09/01/2020 ÀS 14H21
Ebó

Seu Zé Pelintra é o famoso malandro , mas não pense no sentido ruim da palavra. Ele é do tipo que aproveita a vida, sabe ter jogo de cintura e dificilmente será passado pra trás, porque tem esperteza de sobra. Por isso muitas pessoas fazem a famosa Ebó para Zé Pelintra, que é um tipo de oferenda para pedir ajuda a ele.  Sua origem tem mais de uma versão, mas sabe-se que ele cresceu órfão e desde cedo precisou aprender a se virar. Era capoeira e defendia os menos favorecidos e que eram abusados, fossem mulheres, prostitutas, mendigos ou homossexuais.

Esta entidade ajuda as pessoas que pedem em momentos de grande necessidade, principal- mente os mais pobres e necessitados, protegendo dos males que conhecemos e também dos que nem sabemos que existem. Ele ajuda a conseguir mais movimento em comércios, a andar em segurança na rua à noite e a ter sorte em jogos. Aprenda a fazer o Ebó do sucesso e também uma oração para não falhar nos jogos.

Ebó para Zé Pelintra: passo a passo para a oferenda dar certo 

Num prato de papelão de tamanho médio, coloque arroz com lentilhas e tiras de cebola frita, três fatias enroladas de presunto defumado e farofa de ovo. Tudo isso deve ser acompanhado de um copinho pequeno de papelão com um pouco de cachaça. Coloque isso perto de uma praia: pode ser na areia ou junto à calçada. Peça ao Seu Zé que corte qualquer obstáculo que esteja impedindo a sua vitória. Geralmente, em três dias as boas notícias chegam. Atenção: ao preparar a oferenda, leve a garrafa de aguardente junto com você, encha o copinho e leve a garrafa de volta para sua casa (para usá-la novamente quando fizer outro ebó).

Confira orações e um ritual para o Zé Pelintra 

Oração para ter sorte na fezinha

Essa reza deve ser feita na hora de dormir, um dia antes de jogar. Anote pela manhã os primeiros números que aparecerem em sua mente e aposte neles com fé! “Salve meu camarada, Seu Zé,

a vós recorro nesse momento pedindo que me clareies a mente e a intuição para que eu saiba exatamente os números em que devo jogar a fim de ter o dinheiro que necessito, nem mais, nem menos. Prometo me contentar com aquilo que o Senhor com sua sabedoria divina me der, de acordo com meu merecimento. Obrigado(a).”

Oração para ter proteção 

“Salve Pai Celestial, criador do Céu e da Terra, salve pai Oxalá, orixá maior, criador do mundo e dos humanos! Bendito seja o Senhor do Bonfim! Salve Zé Pelintra, mensageiro da luz, guia e protetor de todos aqueles que, em nome de Jesus, praticam a caridade; dai-me, Zé Pelintra, o sentimento suave que se chama misericórdia, assim como os bons conselhos; dai-me a proteção quando puder; dai-me o apoio, a instrução espiritual de que necessito, para dar aos meus inimigos o amor e a misericórdia que lhes devemos, por amor de nosso Senhor Jesus Cristo, para que todos os homens e mulheres sejam felizes na Terra, e possam viver sem amarguras, sem lágrimas e sem ódio. Tomai-me, Zé Pelintra, sob a vossa proteção. Desviai de mim os espíritos atrasados e obsessores enviados pelos nossos inimigos encarnados e desencarnados e pelo poder das trevas. Iluminai meu espírito, minha alma, minha inteligência e o meu coração, abrasando-me nas chamas do seu amor por nosso Pai Oxalá.”

Ritual para anular a força dos inimigos 

Numa segunda-feira, coloque um papel com o nome do inimigo em cima de uma folha de comigo-ninguém-pode e enrole como um canudo. Depois, amarre uma fita dando sete nós pedindo ao senhor Ogum e ao senhor Zé Pelintra para esfriar e quebrar a força do inimigo. Coloque em um pote de maionese vazio e guarde no congelador até que o inimigo desapareça. Depois é só despachar o “canudo” em água corrente e jogar o pote no lixo. Lave bem as mãos após o contato com a erva, pois ela é tóxica.

LEIA TAMBÉM 

01703